Bruna Marquezine nua, na capa da Vogue, aos 27 anos, linda de morrer, inteiraça!

Publicado em:

05/05/2023

Bruna Marquezine é capa, recheio e entrevista na Vogue Brasil de Maio/2023
Bruna Marquezine é capa, recheio e entrevista na Vogue Brasil de Maio/2023 (FOTO Rep./Vogue)

Bruna Marquezine na Vogue

Numa entrevista para a revista Vogue, Bruna, 27 anos, fala sobre moda, família, amor, dinheiro, e Holywwod. Falou tudo e não escondeu nada, nem ninguém.

“Apesar de ser leonina, muitas vezes sou um gatinho abandonado na beira da estrada. É um desafio aceitar que tenho mérito ao mesmo tempo em que ouço a voz da síndrome da impostora”.

A entrevistadora foi Paula Merlo, editora chefe da Vogue Brasil, 38 anos, que fez as perguntas certas, curtas e certeiras.

A entrevista começa com Paula perguntando a Bruna por que esta Vogue foi tão especial. Bruna explica que é o seu momento: três dias em Paris e, sem descanso nenhum, voltar correndo para a gravação da série “Amor da minha Vida”, onde ela é, “apenas”, atriz principal, produtora e codiretora.

Bruna também “atuou” colando cartazes publicitários pelas ruas.

E para agosto tem sua participação no Besouro Azul, onde será o par romântico do herói. Uma estrela internacional! Veja no trailer.

Bruna não tem medo de dizer que “se sabota como atriz, imagine como produtora e diretora”. A mulher está Bruna está pronta para enfrentar seus medos.

Bruna Marquezine na Vogue Brasil 2023, confessa que se sabota como atriz
Bruna Marquezine na Vogue Brasil 2023, confessa que se sabota como atriz (FOTO Rep./LUFRE)́

E Bruna não esconde que precisa e recebe ajuda, da família, de amigos da época de colégio, da sua empresária, e de uma terapeuta onde vai semanalmente.

Mas Bruna se derrete quando perguntada por Susan Sarandon:

“Quando vi a cadeira com o nome do personagem dela – aquela cadeirinha de cinema mesmo –, minhas pernas ficaram fracas. Tive o primeiro contato com a atriz depois que terminei uma cena em que não contracenava com ela, mas que passou o tempo todo me observando. Ela disse que estava esperando para me conhecer. Nos abraçamos, conversamos e corri para o meu trailer para chorar. Caraca, que doida a oportunidade de trocar com essa artista, de aprender com ela! Cresci vendo Thelma e Louise.”

Bruna Marquezine, Susan Sarandon e parte da equipe de “Besouro Azul” em Atlanta
Bruna Marquezine, Susan Sarandon e parte da equipe de “Besouro Azul” em Atlanta (FOTO Reprodução / Instagram)

Não é fácil abandonar um situação confortável, mas Bruna teve a ousadia, a coragem de sair da Globo. “Fiz 17 novelas, sei da importância delas para a cultura nacional, mas queria explorar o cinema, as séries… Não podia sucumbir por causa de um desgaste e cansaço.” Trocar a segurança pelo desafio, não é para qualquer um.

Aí, Paula faz uma pergunta fundamental sobre a forma de Bruna manter o ego sob controle. Bruna conta ouve a voz da impostora, aquela vozinha dentro da sua cabeça dizendo que você não é capaz. Ao invés de se achar “apenas o máximo”, Bruna entende e luta com seus limites.

E, como não podia deixar de ser, Bruna fala das agressões e críticas que enfrentou em 2018, por conta por sua magreza.

Ao ser perguntada sobre a dificuldade de posar nua ela diz que nunca foi problema e faz uma piadinha, “E vamos combinar que eu não estava nua, né? Quem usa aqueles diamantes não está completamente despida”;

E Bruna não é mais um corpo lindo com rostinho bonito, ela tomou a decisão de investir em moda para criar relacionamentos no mundo do cinema. Deu certo, mas ela ouviu dos pais “Você vai falir”.

E a forma de manter a sua vida pessoal apenas dela e de mais ninguém, é através de renúncias. “Passei a fazer escolhas. Mesmo se quiser ir muito com tal pessoa em tal lugar público, não vou. Faço isso para não ter que lidar com comentários, superexposição e julgamento transformando minha vida pessoal em algo maior que a minha vida profissional”.

Bruna Marquezine na Vogue questionada sobre vida pessoal fala de renúncias e reclusão
Bruna Marquezine na Vogue questionada sobre vida pessoal fala de renúncias e reclusão (FOTO Rep./Vogue)

Ao fim, perguntada sobre o que gostaria de ter atingido aos 48 anos, Bruna não se fez de rogada e confessou que sonha alto:

“Quero ter feito muitos personagens, dirigido um filme. Quero que minha mãe não me reconheça na tela do cinema. Quero ter ido ao Japão. Não quero ter filhos agora porque tenho muita coisa para conquistar antes de formar família, mas me vejo mãe, num relacionamento sólido. Me vejo tendo uma vida nômade. Quero ganhar prêmio… Dá medo de falar sobre os meus sonhos em voz alta e me acharem pretensiosa, mas hoje já não me incomodo se rirem de mim. Aos 48, quero estar completamente realizada”.

Ao dizer que “quero que minha mãe não me reconheça na tela do cinema”, Bruna fala do desejo de se entregar tão completamente ao personagem que nem a própria mãe consiga reconhece-la. O sonho mais alto que uma atriz pode ter.

Quer saber mais sobre famosos? Clique aqui.

Compartilhe:

Você também vai gostar

Joana Sanz e Daniel Alves estavam juntos há 8 anos, com a condenação por estupro o que vai acontecer com o casamento?

Mulher de Daniel Alves desabafa após condenação do jogador, amor e coração ferido

Luana Piovani, acompanhada das apresentadoras do Podcasr PodDelas, conta sobre assédio de diretor da Globo

Luana Piovani relata episódio de assédio envolvendo diretor da Globo

Xuxa fez uma homenagem ao Davi do BBB 24, usando uma camiseta com "Calma Calabreso"

Calma Calabreso! Xuxa arrasa no navio e faz homenagem a Davi do BBB 24

Rolar para cima